Fungos
Pragas e Doenças

Fungos

Eu já fiz um post falando sobre os fungos do meu tomateiro e mostrei como os combati, mas esse assunto é extenso e nesse post vou falar sobre ele em mais detalhes.

Aqui vou colocar o máximo de informação possível para ajudar na identificação do problema. Vou mostrar imagens dos sintomas de alguns tipos de fungos, dar as orientações de tratamento que são importantes e vou ficar devendo mais informações e imagens, mas aos poucos vou atualizando o post.

Os Fungos  

Essa é uma praga comum e há muitos tipos, segundo o site da Embrapa existem 6903 fungos relatados no Brasil. Apesar de às vezes ser difícil identificar os fungos, felizmente não são tão difíceis de combater, pelo menos se a planta for tratada antes que esteja muito comprometida.

A característica básica dos fungos é que eles gostam de umidade e esse é o grande motivo deles aparecerem nas nossas plantas, mas com tantos tipos os sintomas podem ser muito semelhantes e eu simplesmente não fui capaz de identificar tantos quanto eu gostaria para mostrar no blog.

Pesquisando para fazer esse post eu descobri que existe um universo paralelo dos fungos, mas depois de insistir na pesquisa durante algumas horas de alguns dos meus fins de semana cansei, desisti e fiz o post com o máximo que consegui de informação e ainda contei com a ajuda dos leitores do blog.

Oídio

Esse fungo surge como um pó branco nas folhas e é muito comum nos tomateiros. É esse o fungo que eu mostrei nas fotos do post Fungicida Natural para Tomateiros.

O oídio, na maioria das vezes, forma pequenas manchas circulares nas folhas que parecem estar cobertas por um pó branco. Ele se espalha rápido e se for identificado deve-se agir logo e tratar com regularidade até a melhora completa da planta.

Antracnose

Essa planta da foto, uma ipomoea purpurea, sofreu um ataque muito severo desse fungo, mas confesso que ainda tenho minhas dúvidas se foi mesmo antracnose. Por tudo que pesquisei é o que melhor se encaixa nos sintomas apresentados.

A antracnose apresenta manchas marrons nas folhas com o entorno amarelado. Essas manchas vão aos poucos escurecendo e tomando toda a folha. Esse fungo também é muito comum em frutos e causa manchas com o mesmo padrão. Infelizmente é um fungo relativamente comum e, pela experiência que tive com essa planta, de difícil combate.

Fungo Antracnose
Folha de ipomoea com antracnose
Fungo Antracnose
Nessa folha é possível observar bem o padrão das manchas, que são marrons, mas amarelam a folha conforme avançam

Fumagina

Essa foto é da minha pimenteira, mas esse fungo é muito comum em acerolas. Na minha pimenteira tive três ou quatro folhas apenas afetadas por ele, já na acerola muito mais, porém as fotos da acerola não ficaram boas e acabei usando essa. Acredito até que a pimenteira só apresentou alguns sintomas por estar muito próxima da acerola com algumas folhas em contato direto.

A fumagina causa manchas pretas que ficam com aspecto de uma película e vão se espalhando até tomar toda a folha e aos poucos toda a planta.

Fungo Fumagina
Folha de pimenta com fumagina ainda no estágio inicial da doença

Cancro do Caule

Essa doença é muito comum em blueberrys e essa foto é do caule da minha planta, que perdi para esse fungo, infelizmente. Já comprei a planta comprometida e apesar dos meus esforços não consegui salvá-la.

Os sintomas são bem característicos. A planta apresenta no caule manchas castanho avermelhadas que se espalham rapidamente sem tratamento.

Fungo Cancro do Caule
Caule da minha muda de blueberry com cancro do caule em estágio bem avançado

Mancha Negra

Demorei para identificar esse fungo e ainda tenho dúvidas se identifiquei corretamente. Os sintomas lembram a antracnose, mas não há sinal de manchas amarelas próximas a essas manchas escuras, então concluí tratar-se mesmo da mancha negra.

Os sintomas são bem óbvios com essas manchas que dão o nome à doença. Elas costumam ser bem escuras, mais escuras do que as da antracnose que têm uma coloração mais marrom. Pelo que pude observar o tratamento não é difícil.

Fungo Mancha Negra

Fungo Mancha Negra

Cercospora

Esse fungo, pelo que já observei, é pouco agressivo. Não se espalha rápido e às vezes sequer se espalha e não parece causar danos severos à planta como os outros citados.

Os sintomas são essas manchas bem características da foto abaixo. Elas são redondas, pequenas e apresentam bordas escuras e centro acinzentado.

Fungo Cercospora

Fungo Cercospora

Sintomas

De uma forma geral manchas nas folhas, principalmente amarelas e marrons, acompanhadas ou não de um pó, são sinais de alerta, pois podem ser fungos, mas isso não é uma regra.

Por apresentarem sintomas muito variados sugiro verificar as imagens dos fungos que estão nesse post. Se ainda não houver material suficiente aqui para ter certeza, leia sobre o tratamento logo abaixo.

Tratamento

O primeiro passo é diminuir a umidade, reduzindo as regas, se estavam ocorrendo em excesso, ou evitando molhar as folhas e caule da planta.

Como já mencionei em outro post, o tratamento é feito com leite. O preparo deve ser feito da seguinte forma:

Se for leite de caixinha (ou garrafa) dilua na proporção de 3 copos de leite para 7 de água para colocar a mistura diretamente na terra, regando as raízes, ou de 1 copo de leite para 4 de água para borrifar a mistura nas folhas.

Se for leite em pó prepare um copo com 250ml de água e uma colher de sopa cheia de leite em pó e use 1 medida desse leite preparado para 3 medidas de água se for diluir para regar ou borrifar nas folhas. O leite em pó também pode ser colocado diretamente na terra, sem diluição alguma, mas se as folhas já estão com fungos borrife.

É muito importante que o leite seja usado sempre pela manhã. Se ao usar já houver sol sobre as plantas não há problema, pelo contrário, parece que os efeitos são ainda melhores.

Além dos cuidados com a umidade excessiva, aplique a solução de leite borrifando-a duas vezes por semana se a planta estiver muito comprometida ou uma vez por semana se não estiver ou se for apenas uso preventivo.

Sugiro usar o leite em todas as plantas uma vez por semana mesmo que não haja sinal de fungos, deixa as plantas mais bonitas e ainda previne o problema, mas deve ser sempre pela manhã.

Fungos x Outras Pragas

Os fungos se manifestam de várias formas dependendo do tipo e, como eu disse, são muitos tipos. Alguns sintomas podem ser confundidos com outras doenças ou pragas então se depois de ler esse post você tem dúvidas se sua planta está com fungos minha sugestão é:

Se a planta está bem e tem apenas alguns sintomas, então aplique primeiro o leite duas vezes por semana por 15 dias e veja o resultado. Se os sintomas sumiram ou melhoraram consideravelmente era fungo. Continue fazendo aplicações preventivas uma vez por semana e inclua isso na rotina de cuidados com as plantas.

Se a planta está infestada e isso está prejudicando o desenvolvimento dela, então comece um tratamento voltado para o outro problema que você suspeita que seja. Além disso use o leite uma vez por semana como já foi indicado.

28 respostas para “Fungos”

  1. Boa noite!
    Tenho um Bonsai de Amora e acho que está com algum tipo de fungo.
    Por cima a folha amarela e vai aparecendo manchas marrons e por baixo delas tem esse aspecto de pó.
    Cortei hoje todas as que encontrei com o problema e começarei com a sua dica do leite, agora, uma pergunta, saio muito cedo para o trabalho e normalmente cuido das plantinhas quando chego no final da tarde, a aplicação deve ser só pela manhã, senão não funciona?
    Obrigada!

    1. Ana veja o post sobre os tripes primeiro, pode ser que seja esse o problema e não fungo. É um post que está na primeira página do blog, é bem recente. Se for tripes no post já tem a indicação de tratamento, mas se for fungo recomendo o leite diluído e aplicar pela manhã faz toda a diferença. Não recomendo à noite porque pode piorar já que as folhas ficam úmidas.
      Outro fungicida que tenho testado e estou gostando dos resultados é o cupro dimy, mas também recomendo aplicar pela manhã bem cedo, sem sol, ou no fim da tarde, mas à noite não, pelo mesmo motivo do leite. O ideal, e é o que tenho feito, é alternar os dois, aplicando uma vez por semana cada um em dias diferentes.
      Abraços Floridos

  2. Me disseram sobre o leite tem que ser leite puro de vaca não esses de mercado, conforme a quantidade de água usar somente 10% sendo assim se for usar 500ml 50 será de leite e misture com os 450ml de água.

    1. O melhor leite é o cru de fato, mas esse tipo de leite é muito difícil de ser adquirido pela grande maioria das pessoas, então pode-se usar o leite comum e ele traz resultados.
      Abraços Floridos

  3. Boa tarde! Obrigada pelo blog. Maravilhoso, mas não estou tendo sucesso com o leite. Tinha 2 tomateiros e iniciei ja no estágio avançado de um. O outro ainda não estava. Tentei tratar um p curar e outro p prevenção. Após secar todo, desisti e arranquei. Apostei no outro, contudo, ele esta infestado e não resolve. Nao sei o que possa ser pois eh so amarelidao da raiz p as folhas. De baixo p cima. So molho pela manhã. Os outros tomateiros novos estao afastados dele mas estao com outra especie de doença. O que faco? Acho que contaminou a pimenteira.

    1. Marianna pode ser outro problema. Mande fotos para o e-mail [email protected] e tento identificar.
      Se ele já produziu pode ser apenas o fim do ciclo, senão pode ser outra doença. As folhas amarelarem simplesmente não é sintoma de fungos, para ser fungo tem outros sintomas associados. Com as fotos posso tentar te ajudar. : )
      Abraços Floridos e desculpe a demora para responder

  4. Olá, boa tarde.
    Estou procurando por descrição de fungos, este post é muito útil, parabéns e obrigada por escrevê-lo. Gostaria de saber se as dicas servem para árvores de médio porte?
    O rapaz podou a nossa árvore semana passada, eu não tinha reparado que a pessoa estava com a tesoura enferrujada. E desde então, as folhas da copa começaram a ficar com manchas bem vermelhas no centro, algumas com cor de ferrugem, outras além de ficarem com essas cores, ressecaram nas bordas, teve galhos novos que ficaram ressecados, tive que tirá-los do tronco, e também há folhas que começaram a enrolar, embora a árvore como um todo está com folhas verdes vibrantes e bonitas, aspecto natural de árvore saúdavel.
    Estou muito triste e um pouco desesperada, 5 anos cuidando da árvore, querendo que ela cresça para fazer uma sombra gostosa em minha calçada, e aconteceu-me isso. 🙁
    Teria alguma dica que pudesse me ajudar?
    Não sei se foi por causa da tesoura que o senhor usou ou se isso é uma situação típica de acordo com as sessões do ano.
    É a primeira vez que está acontecendo.
    Obrigada, tenha um lindo dia e uma ótima semana.

    1. Servem sim Karol, mas o ideal é ter um pulverizador de maior porte para aplicar. De qualquer forma me mande fotos dela para o e-mail [email protected] e analiso melhor. Pelo que você descreve há algo além de fungos.
      Abraços Floridos

  5. Minha amoreiras está morrendo, suas folhas tem um branco algodão, folhas manchadas de marrom amarelado é uma pontos pretos grandes. Fiz a calda de alho, renovo as folhas, mas não está brotando não. O que faço, Obrigada

    1. Marly pela descrição são fungos de mais de um tipo e cochonilhas. Recomendo o combo com sabão de côco e óleo de neem a cada dois dias (veja o post combo super top plus defensivos) e leite diluído duas vezes por semana (veja o post fungos).
      Abraços Floridos

  6. Meu pé de manacá da serra, está com furinhos nas folhas, e pontos marrons nas pontas das folhas, será que é fungo? Posso colocar esta mistura de leite nas folhas? Me mandaram colocar o fungidor, mas estou com medo, pois está carregado de botões.

    1. Pode usar o leite sim Sandra, aliás deve, ele fez muito bem para as plantas. Mas os furos não são Fungos, deve ser algum inseto comendo as folhas.
      Abraços Floridos

    1. Fabiana eu nunca usei, mas não vejo problemas. Eu uso em todas as minhas plantas, inclusive algumas suculentas.
      Abraços Floridos

  7. Boa tarde Bruna, a Camila Oriente me indicou seu blog porque eu estou com um problema em uma pimenteira e não sei qual o motivo, algumas folhas apesar de estarem com a cor bem viva elas estão murchando, não são todas, somente algumas. Sabe me dizer o que poderia ser?

  8. Ola. Gostei muito de ter encontrado o seu Blog com todas essas explicações. Obrigada por compartilhar conosco suas experiências e estudos.
    Moro atualmente no Nordeste, casa, perto de praia, com clima bem incrível!
    Enfim, tô iniciando minha mini horta em vasos. O tomate tbem minha grande paixão e partindo p alface. Vou me organizar com algumas perguntas e depois retornarei, mas vou avisando, já começando a usar o leite em pó desnatado nos meus pés de tomates. Grande abraço. Boa sorte!!!!

  9. Olá
    Plantei sementes de tomates red grape em uma jardineira. Percebi que demoram mais a crescer que o cereja( pode ser a época também).
    Percebi que nas folhas apareceram riscos brancos nas folhas como se fossem caminhos e depois disso as folhas murcham.
    Que tipo de praga é essa, não vi aqui. Como cuidar?
    Obrigada

    1. Cristiane pela descrição é larva minadora. Use algum defensivo a base de alho, cebola ou pimenta que são também repelentes.
      Abraços Floridos

  10. Olá, Bruna! Eu tenho uma videira que este ano esta com as folhas marrom parece queimadas, parecido com o fungo que vc mencionou antracnose, será que o leite ajudaria, ou só funciona com os tomates? Eu estou com medo de poda-lo este ano. Querida me ajude. beijos

    1. Leninha leite é um santo remédio para qualquer planta. Use sim e siga as sugestões do post usando mesmo que não tenha sinais de doença.
      Abraços Floridos

  11. Olá boa tarde!

    A receita do leite realmente funciona, meus tomateiros estão lindos e super carregados, pena que não lembrei de fotografá -los.
    Muito grata pela orientação.

      1. Eu borrifo nas folhas e se sobre no borrifador despejo em algum vaso, mas na raiz eu só aplico também no caso das orquídeas.
        Abraços Floridos

  12. A minha acerola está tomada, não sabia que era fungo, até pensei em arrancá-la e comecei a tratar com a mistura de óleo de neem e sabão de coco. Amanhã mesmo vou borrifar o leite, se melhorar vou ficar imensamente feliz e grata.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *