Defensivo/Repelente de Cravo da Índia
Pragas e Doenças

Defensivo/Repelente de Cravo da Índia

Esse post seria sobre outro defensivo, semelhante em muitos aspectos, mas com ingredientes diferentes, pimenta e alho. Eu já tinha comprado tudo que precisava e estava pronta pra começar o preparo quando lembrei que tinha uma garrafa de cravo da índia curtido no álcool guardada há muito tempo e aqui em casa eu sempre usei o cravo para combater formigas, mas nunca tinha pensado em usar nas plantas … Até agora.

Cravo Curtido no Álcool

Eu nem cheguei a começar a fazer a outra receita, parei tudo e fui pesquisar sobre o uso do cravo como defensivo. Como imaginei, só encontrei o que eu já sabia, que ele serve como potente repelente para mosquitos e formigas.

Depois que parei pra pensar sobre o uso do cravo me pareceu tão óbvio que não acredito que demorei tanto a fazer essa experiência. É evidente que ele provavelmente seria um excelente repelente associado ao combo que já uso, especialmente para cochonilhas, afinal as maiores aliadas das cochonilhas pra infernizar nossa vida e a de nossas plantas são as formigas, e o cravo é fantástico para combatê-las.

Eu sempre usei o álcool com cravo quando apareciam formigas por aqui. Seguia aquele clássico caminho que elas formam, encontrava o buraquinho onde moravam e injetava com uma seringa, tomando muito cuidado para não pegar no rejunte porque mancha horrores! Era tiro e queda. Agora resolvi testar (antes tarde do que nunca) usando bem diluído nas plantas.

Material

– Cravos da índia suficientes para cobrir dois dedos do fundo da garrafa;

– Álcool comum usado para limpeza. Não deve ser em gel e sim líquido e sem nenhum tipo de essência;

– Garrafa pet de 500ml.

Como Fazer

Basta colocar os cravos na garrafa até cobrir aproximadamente uma altura de dois dedos do fundo. Após colocar os cravos complete com o álcool e agite bem.

Cravo Curtido no Álcool
Aproximadamente dois dedos do fundo da garrafa preenchidos com cravos da índia

Mantenha a garrafa em local fresco e à sombra, agitando todos os dias durante a primeira semana. Depois de uma semana já pode começar a ser utilizado.

Como Usar

Eu já usava três tampinhas de álcool nos meus defensivos, agora uso três tampinhas de cravo da índia curtido no álcool. Sugiro essa medida de uma tampa para borrifadores que tenham entre 350 e 500ml. Para borrifadores de 1 L sugiro usar o dobro dessa medida e a partir dessa litragem basta fazer a proporção.

Cravo Curtido no Álcool

Se for usar contra formigas aplique com uma seringa nos ninhos e buracos de onde elas saem, mas cuidado com o êxodo da colônia. Elas ficam realmente desesperadas e saem enlouquecidas.

Muito cuidado também com rejuntes ou qualquer outra coisa que você não queira que fique manchada, porque essa mistura mancha muito.

Resultados

Primeiro efeito e o mais óbvio é o cheiro. Como ficou mais agradável usar defensivos e não sentir aquele cheiro do óleo de neem ou do enxofre e ao invés disso aquele aroma gostoso de cravo. Vale mencionar aqui que a minha garrafa estava pronta há muito tempo e por isso super concentrada, mas acredito que mesmo com uma semana já seja possível sentir bem o aroma delicioso dos cravos.

Quanto às cochonilhas não notei nenhuma melhora significativa com o uso do cravo, mas as formigas que ficavam passeando nas minhas pimenteiras sumiram.

Não testei com pulgões porque no momento não há nenhuma infestação dessa praga aqui, mas achei que houve uma melhora maior em relação aos ácaros usando o álcool com cravo ao invés do álcool puro. Não posso afirmar porque tenho três mudas de pimenta de cheiro que estavam com ácaros e elas já estavam em processo de melhora com folhas novas brotando sem sintomas, por isso fica mais difícil analisar o quanto o cravo fez diferença.

Ainda que não tenham ocorrido melhoras tão evidentes com o uso do cravo ele tem uma vantagem incrível que é o aroma. Sendo feito com álcool só tem agregar já que o álcool é um ingrediente que coloco sempre nos meus defensivos. Então recomendo o uso!

*Não confundam essa receita de defensivo com a tintura de cravo que pode ser inclusive usada na pele e ingerida dependendo da dose e da diluição. 

7 respostas para “Defensivo/Repelente de Cravo da Índia”

    1. Na verdade será diluído numa mistura com outros Defensivos como sugiro no post. Se for usar com o combo que recomendo no blog terá um preparado de óleo de neem, sabão de côco e água por exemplo.
      Abraços Floridos

    1. Sim basta borrifar, mas deve ser usado como foi mencionado no post, muito diluído e adicionado a outros defensivos, e não puro direto na planta.
      Abraços Floridos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *