Época de Mudanças
Meu Jardim

Época de Mudanças

Nos fins de ano sempre fazemos um “exorcismo” das coisas velhas em casa e separamos roupas e sapatos para doação, mas esse ano decidi que teriam mudanças radicais na varanda. Comprei quase todos os vasos novos, exceto os da horta e os da parede.

epc_mud_02
A horta em vasos com agrião, alface, alho e rabanete

A troca dos vasos não foi a única mudança, também troquei plantas de lugar, substituí o substrato de todos os vasos e ainda decidi testar o esterco bovino (sugestão do meu irmão) como adubo já que não teria húmus suficiente no minhocário para dar conta de toda essa revolução.
Eu decidi fazer tudo isso porque meus vasos eram pintados, mas eram antigos e estavam feios e descascando. Por mais que eu pintasse, durava um tempo e descascava novamente, o que é natural já que ficam expostos ao tempo.

epc_mud_00
A bagunça durante a troca dos vasos

Além da questão estética também pensei na saúde das minhas plantas, que é o mais importante, porque desconfio que esses vasos descascados favorecem pragas e doenças. Pensando nisso, optei por vasos de cerâmica natural, sem pintura, assim eu evitaria futuros descascados.

A troca total do substrato e o uso do esterco bovino também foram importantes e espero ótimos resultados. Nunca tinha usado esterco, mas como meu minhocário não daria conta de todos os vasos e tenho muitas frutíferas, que precisam de uma boa quantidade de adubo, seria uma ótima oportunidade para testar. De qualquer forma, pretendo manter o esterco na rotina de cuidados com as plantas e até usar como cobertura seca no minhocário, o que melhoraria ainda mais a qualidade do húmus que é produzido.

Trocar tudo deu muito trabalho, mas valeu a pena. Os vasos novos ficaram lindos, ainda mais bonitos do que os pintados porque combinaram bem com as cores que já temos na decoração, e por estarem novinhos deram outra vida para a varanda.

epc_mud_01
A mesa que uso como berçário
epc_mud_10
Finalmente minha varanda renovada! É nesse espaço pequeno, mas cuidado com muito carinho, que o blog acontece

Na montagem desses vasos novos usei uma mistura de esterco e substrato pronto, sendo uma parte de esterco para duas de substrato. Além dessa mistura rica em adubo, quando eu colocava o torrão com a muda no vaso acrescentava meia, uma ou duas aspirinas em pó (esmagadas no pilão), dependendo do tamanho do vaso, e também o adubo à base de algas, depois continuava completando com substrato e esterco.

Agora posso admirar minhas plantas lindas em seus vasos novos e esperar que os resultados da mudança sejam os melhores.

6 respostas para “Época de Mudanças”

  1. bruna ñ entendi o prq da aspirina diz ai lininha fiquei cosando d curiosa kkkkkkk bjuzao brigada peo conpartilhamento linda sua varanjardim

  2. Bruna! Que lindo que ficou!

    Minha hortinhazinha tá um amor, consegui desenvolver bem a alface regina e a rúcula gigante,venci os ácaros, o fungo do tomate (leite é amor), e os gatos, mas meu pé de vagem nao produziu bem, parece q foi excesso de nitrogenio, mesmo usando o adubo diluido na rega (1:5) uma vez por semana. Vou fazer um teste em outro vaso.

    Que alface crespa é essa? Seus rabanetes estao se formando?
    Em vaso nunca usei esterco, nao deixe de nos contar o resultado!

    1. Denise alface regina é deliciosa e super fácil de cultivar. Achei mais fácil do que as mimosas que estou cultivando agora. Essa que aparece na foto é a mimosa vermelha, nessa foto não dá pra ver, mas as folhas dela estão começando a apresentar a coloração característica que é muito bonita. Meus rabanetes insistem em não se formar, apesar dos meus esforços, mas é aquela coisa, eu vou plantar até aparecer uma bolinha colorida e fofa, um dia há de aparecer. Enquanto não aparece eu vou cultivando para consumir as folhas. Você ja tentou agrião? Estou cultivando agora e que plantinha sensacional! Vai ter sempre na minha horta. Em breve vou fazer um post sobre ele.
      Abraços Floridos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *