Trevo de 4 Folhas (Oxalis Tetraphylla)
Flores

Trevo de 4 Folhas (Oxalis Tetraphylla)

Meu primeiro contato com o trevo de 4 folhas, oxalis tetraphylla, foi quando comprei uma caixinha com um kit de bulbos, vasinho e substrato numa viagem que fiz a Holambra. Isso foi há anos atrás e desde então não parei mais de cultivá-los. 

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla

Descobri tantas coisas interessantes sobre o cultivo dos trevos e o processo de desenvolvimento deles é tão gratificante que fiquei apaixonada por essas plantinhas lindas, que além de tudo ainda são um conhecido símbolo de sorte. 

Para comprar bulbos de trevo de 4 folhas e também ter a experiência de cultivá-los acesse a loja Sementes do Jardim.

Plantio

Quando plantei os trevos de 4 folhas pela primeira vez usei tudo que veio no kit que comprei em Holambra, mas é fato que esses kits, apesar de fofos, vem com vasinhos que não são adequados para o plantio por serem pequenos demais para acomodar até mesmo apenas um bulbo.

Oxalis - Trevo de 4 folhas
O kit

Na época que fiz o plantio usando o kit deixei apenas os bulbos brotarem no vasinho original e logo depois já replantei para que pudessem se desenvolver em um vaso maior. Isso é o que recomendo para quem compra esses kits ou sequer usar o vasinho que vem neles e já plantar em um vaso maior com espaçamento adequado, que é de 5 cm entre os bulbos.

Oxalis - Trevo de 4 folhas
Os bulbos acomodados (e apertados) no vasinho

O plantio dos bulbos de trevo é bem simples, mas requer que alguns detalhes sejam observados para garantir o sucesso da brotação.

Recomendo usar uma mistura de uma parte de substrato pronto de boa qualidade e uma parte de húmus de minhoca para o plantio dos bulbos.

Trevos não precisam de muito espaço, mas devem ser plantados em um vaso pelo menos do tamanho dos tradicionais vasos de violeta, não menor do que isso, caso contrário será necessário fazer o replante algum tempo após a brotação, quando as mudas estiverem mais desenvolvidas. Apesar do replante ser uma possibilidade o ideal é plantar no vaso definitivo.

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla

Ao fazer a preparação para o plantio deve-se preencher quase todo o vaso com a mistura de substrato, por volta de 2/3 do volume total. No substrato usado devem ser acomodados os bulbos. Sugiro no máximo 3 bulbos em um vaso do tamanho de violeta para que tenham espaço suficiente para se desenvolverem. Os bulbos devem ser plantados com a ponta virada para cima, isso é muito importante. É da ponta que saem os brotos e da base que saem as raízes, por isso o posicionamento correto do bulbo é fundamental para o sucesso do plantio.

Após acomodar os bulbos no substrato deve-se cobri-los, preenchendo o restante do vaso e deixando as pontas dos bulbos levemente cobertas, sem que tenham uma camada de substrato muito espessa sobre elas. Uma camada que tenha por volta de 2 cm de altura é suficiente.

Após o plantio o vaso deve ser regado de maneira que todo o substrato fique levemente úmido, sem exageros. O vaso deve ser colocado em local que tenha sol da manhã, preferencialmente, ou sol do fim da tarde. A umidade deve ser sempre mantida sem exageros com o substrato levemente úmido até começar a ocorrer a brotação.

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla
As primeiras raízes

Se o vaso for deixado em local que não tenha sol direto em nenhum momento do dia pode ser usada uma cobertura de plástico filme, que vai ajudar bastante na manutenção da umidade e calor para a brotação dos bulbos. Essa cobertura, mesmo na situação de falta de sol direto, não é necessário ou indispensável, mas auxilia, porém ela não deve ser usada se o vaso pega sol, ainda que seja por pouco tempo. Quando o plástico filme é usado a rega ocorre apenas quando o substrato começa a secar e isso demora vários dias para ocorrer, dependendo da temperatura e umidade do ar, então é importante observar. A rega deve ser feita com borrifador já que a quantidade de água necessária é bem menor do que quando o vaso estão com o substrato completamente exposto. O ideal é levantar o plástico todos os dias, uma vez ao dia, ou pelo menos em dias alternados para arejar o vaso.

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla

Por volta de 10 a 15 dias após o plantio dos bulbos a brotação deve começar a surgir. Quando os brotos estiverem maiores e as primeiras folhas completamente formadas e abertas o vaso deve ser colocado em local que tenha pelo menos 3 horas de sol da manhã ou da tarde, caso já não esteja nessa condição.

Deve-se tomar cuidado porque os trevos podem tornar-se invasivos, então o ideal é mantê-los em vasos ao invés de plantar direto no solo com outras plantas.

Sol

Na fase inicial de plantio e crescimento dos brotos o ideal é deixar o vaso em local com luz indireta se for um clima muito quente. Se o sol não for tão forte o vaso pode ficar em local que pegue sol da manhã ou do fim da tarde.

Quando a planta está mais desenvolvida prefere mais tempo de sol direto, porém não recomendo sol muito quente e durante muitas horas do dia. Um cultivo no sol da manhã ou do fim da tarde, sendo por volta de 3 a 4 horas de sol direto é suficiente.

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla

O desenvolvimento do trevo é nitidamente melhor quando há sol direto. Apesar dele poder ser cultivado à meia-sombra, nessa condição irá estiolar, o que deixa o aspecto da planta bem menos interessante, o crescimento será mais lento e certamente produzirá menos flores.

Um comportamento interessante dos trevos, e que não deve ser entendido como um problema, é que as folhas se fecham durante a noite e durante o dia abrem novamente.

Rega

Os bulbos do trevo de 4 folhas precisam de substrato levemente úmido, mas sem excessos. Se o substrato ficar encharcado os bulbos podem apodrecer e toda a planta será perdida sem possibilidade de replante. É preciso ter cuidado com as regas e observar bem o substrato, analisando todos os dias se há necessidade de água ou não.

Durante o período de dormência as regas devem ser diminuídas gradativamente e mantidas apenas uma vez por semana ou a cada 15 dias até que a temperatura comece a subir novamente.

Adubos

Os trevos gostam de substrato rico em matéria orgânica, então uma boa rotina de adubação é fundamental para um bom desenvolvimento.

Para o plantio dos bulbos recomendo usar uma mistura de uma parte de substrato pronto de boa qualidade e uma parte de húmus de minhoca.

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla
A linda flor do trevo

A partir do início da brotação e daí em diante ao longo de todo o desenvolvimento dos bulbos recomendo usar adubo líquido uma vez por semana, alternando uma semana na rega e outra como fertilizante foliar, borrifando toda a planta, evitando apenas as flores.

Durante o período de dormência não se deve usar nenhum tipo de adubo.

Pragas

Os trevos são plantas resistentes, mas há pragas bastante comuns que podem comprometer o cultivo, como pulgões e cochonilhas.

Para saber como combater eventuais pragas que possam vir a surgir nas plantas recomendo a leitura do post Guia de Defensivos Naturais.

É importante não deixar de usar os adubos regularmente quando a planta está com alguma praga ou doença. Os nutrientes vão ajudá-la a suportar melhor os sintomas e a se recuperar mais rápido.

Dormência

Os trevos, por serem bulbos, entram em período de dormência, mas depois brotam novamente, então se o trevo aparentar que está morrendo, com as folhas secando e sem novas brotações, não jogue seu precioso vasinho fora.

Há duas formas de lidar com a dormência:

– Quando o período de dormência começar, a rega deve ser reduzida ou interrompida até uma nova brotação começar a surgir. Isso é feito sem interferência nenhuma no vaso, deixando os bulbos plantados como estavam.

– Outra opção é deixar o trevo entrar em dormência e quando parar de dar flores e as folhas secarem, desenterrar os bulbos e separar os menores (filhotes) dos maiores. Após a separação esses bulbos podem ser plantados novamente.

A questão é que os trevos brotam na primavera, então o período de dormência seria durante o outono e inverno ou somente durante o inverno, dependendo do local. Então caso seja usado o método de deixar o bulbo no próprio vaso sem replantar, a rega deve ser interrompida ou reduzida até que a temperatura comece a aumentar novamente. Caso os bulbos sejam desenterrados e separados, o plantio deles deve ser feito também quando o clima estiver mais quente.

Propagação

É possível plantar trevos a partir de sementes, mas não é o processo mais fácil, nem o mais rápido. A propagação é bem mais simples quando feita a partir dos bulbos, já que pequenos novos bulbos costumam se formar próximos aos bulbos maiores, que foram originalmente plantados.

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla

No final do período de dormência os bulbos podem ser desenterrados e separados. Os bulbos menores que se formaram podem ser replantados, gerando novas plantas.

Amuleto

Quando eu era criança fiz um amuleto de um trevo de 4 folhas que eu achei em meio a um monte de trevos de 3 folhas (esse foi sorte mesmo) e eu adorava meu trevinho seco. Agora que eu tenho vários trevos para chamar de meus eu não poderia deixar de fazer outro amuleto.

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla

O processo é bem simples. Basta cortar uma folha do trevo rente à haste, deixando apenas uma pequena parte do talo. Para evitar danos à folha é melhor cortar sem se preocupar com o tamanho do talo e depois, já com a folha separada da planta, aparar e deixá-lo mais curtinho.

A folha cortada deve ser colocada dentro de um livro, de preferência grosso, e ficar secando lá por uma semana.

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla
Trevo bem seco

Após uma semana a folha já estará seca e deve ser plastificada. Ela também pode ser colocada dentro de um saquinho plástico, que deve ser deixado sempre na carteira ou na bolsa para atrair sorte.

Trevo de 4 Folhas - Bulbos - Oxalis tetraphylla

Eu recomendo muito o cultivo do trevo de 4 folhas.  É divertido, eles crescem rápido, são lindos, é possível fazer amuletos da sorte e ainda podem ser divididos e doados para os amigos e pessoas queridas. São muitos os motivos para amar essas criaturas.

39 respostas para “Trevo de 4 Folhas (Oxalis Tetraphylla)”

    1. Sandro eu nunca plantei sementes de trevo, na verdade tive uma que nasceu sozinha no vaso, mas perdi a muda, porém as possibilidades para nenhuma ter germinado podem ser algumas das genéricas para qualquer semente, plantio fora de época, sementes que estavam velhas e já sem poder de germinação, excesso ou falta de umidade na germinação.
      Abraços Floridos

  1. Oi Bruna. Obrigada pela explicação anterior. 🙂
    Tenho outra dúvida agora, meu trevo já brotou e já tem até florzinhas, porém umas delas morreram, estão murchas e pretinhas 🙁 aí não sei o que faço, devo deixar ou tirar? E se for tirar, como faço isso?
    Obrigada! 😀

    1. Kamila eu só retiro quando está bem seca e solta facilmente da planta. Você pode tentar puxar levemente, se sair tudo bem, senão deixe até estar solta. Faça isso com flores e folhas. : )
      Abraços Floridos

  2. Olá. Pode me explicar, por favor, quando e como faço para passar meu trevo para um vaso maior? Nunca plantei nada, estou com muita dúvida sobre como fazer, onde comprar a terra e tudo q for necessário.
    Obrigada.
    Abraços

  3. Acho que não estou sabendo cuidar do meu Trevo. Com frequência eles ficam com uma aparência feia, “triste” e com uma espécie de fungo, tipo uma pluma branca e grudenta.

    1. Suzana as folhas à noite se fecham, isso é normal, não sei se é o seu caso. Agora se eles estão murchando não é normal, provavelmente o vaso está pequeno e eles estão com muitas raízes, a rega não está sendo suficiente ou estão pegando muito sol. Esse fungo você deve tratar com leite diluído, veja o post Fungos do blog, nele tem todas as informações sobre o uso do leite.
      Abraços Floridos

  4. Bom dia, amei seu post, bem facil de entender. Tenho um vasinho com trevo de quatro folhas que no centro dele é roxinho, as primeiras folhas nasceram perfeitinhas, agora estao nascendo umas defeituosas. Sabem me dizer se é falta de fertilizante?
    beijos

    1. Rafaela pode ser falta de sol ou adubo. Tive esse problema com meu trevo roxo. Me fale mais sobre as condições de cultivo dele, rega, sol, substrato, etc.
      Abraços Floridos

  5. Olá. Eu ganhei uma muda desse trevo e ela já está com várias folhas, sendo que nas minhas pesquisas esse foi o post mais completo que encontrei na internet. : )
    No entanto, estou em dúvida sobre a frequência de regar. O quanto eu rego?
    Outra coisa sobre o sol…moro em cidade com clima muito quente, e a pessoa que me deu disse que ela é de sombra. O que fazer?

    1. Paola trevos gostam de umidade, mas a frequência depende de muitos fatores, não há uma regra exata. Você deve observar o substrato e regar para manter levemente úmido. O problema que é muito comum é regar demais achando que está secando sendo que no fundo o vaso está encharcado. Então se o vaso for de plástico redobre a atenção porque eles acumulam muita umidade. Enfie o dedo na terra afundando uns 2 ou 3 cm e se estiver secando você rega. Eles não gostam de sol quente demais. Se possível mantenha só no sol da manhã já que mora em local quente.
      Abraços Floridos

  6. Olá!
    Eu ganhei um trevinho desses, que veio num pequenino vaso de plástico e sem nenhuma informação. Coloquei o bulbo no meio do adubo que veio e tenho regado todos os dias, bem como colocado um pouco no sol. Mas há faz mais de 15 dias e nada acontece. Um pequeno fiapo verde surgiu mas não ganhou força e já sumiu na terra. O que devo fazer? Deu certo o plantio ou desisto e jogo fora? Obrigada! Abraços

    1. Margareth não recomendo colocar o vasinho no sol,mas pode ser que o problema seja excesso de umidade e os bulbos tenham apodrecido ou falta de umidade por isso o broto não resistiu. O vasinho realmente é muito pequeno e por isso não deve pegar sol inicialmente.
      Tente apenas tirar do sol e deixar em local com muita luz indireta mantendo a umidade.
      Abraços Floridos

  7. Na verdade o trevo desse kit é chamado de “falso-trevo”. O trevo “verdadeiro” (aquele clássico e famoso, que tem as lendas do trevo com quatro folhas e tudo mais, inclusive essa do amuleto) é do gênero Trifolium, enquanto o falso trevo é do gênero Oxalis.

    O trevo com quatro folhas (que segunda as lendas dão sorte) é uma mutação que ocorre em alguns exemplares do gênero Trifolium, não são esses trevos-falsos, ou os trevos-de-quatro-folhas, onde todos possuem quatro folhas naturalmente, rsrsrsrs. Assim não vale, é muito fácil achar um com os requisitos para dar sorte, rsrsrsrs.

    1. Sim você tem razão quanto ao gênero trifolium, que aliás tem variedades maravilhosas. Mas esse é conhecido tanto como falso trevo, quanto trevo de 4 folhas, justamente por todos terem essa característica. : )
      Abraços Floridos

    1. Vender eu não sei, nunca vendi nenhuma planta ou semente minha, mas você pode usar em trocas por outras plantas.
      Abraços Floridos

    2. Camila estou interessada em comprar mudas do trevo. Se vc ainda está interessada em vender entre em contato comigo. Obrigada

    1. Ailton a caixinha fofa que eu comprei em Holambra eu já vi no Tatuapé Garden, mas os bulbos no saquinho comum já achei na Cobasi Ceasa também. Normalmente vou apenas nessas duas lojas. Mas em lojas on-line você acha o de 4 mais comum que é esse que tenho com facilidade também.
      Abraços Floridos

  8. Ei, moça! Obrigada pelo post explicativo. Vai me ajudar a cuidar melhor do meu trevo. Porém, andei dando uma olhada (tanto no seu site, como em outros) e percebi que os trevas que tenho aqui são diferentes dos seus. Os meus não tem essa mancha no meio, não dão flor e, até onde eu percebi, não tem bulbos. Eles são completamente verdes e as olhas lisas nas beiradas. Será que é uma outra espécie?

    1. Oi Isabela, você pode mandar uma foto? Posso tentar te ajudar a identificar, mas talvez não esteja dando flores por algum outro motivo, como falta de sol ou nutrientes.
      Abraços Floridos

      1. Eurides eu tenho apenas sementes para venda, mas não são de trevo de 4 folhas.
        Abraços Floridos

  9. O meu tem várias florzinhas rosa, mas nenhuma folha aberta ainda! Na verdade, pelo o que percebi, só tem 1 que parece um trevo mesmo.. Já fazem quase 60 dias… E as hastes estão cada dia maiores!

  10. Oi Bruna! Esses trevos são muito fofos mesmo né? Já os cultivo tem um bom tempo, e ele enche o vaso super rápido! Pode por num vaso com a boca bem larga, tipo cuia, que ele alastra e fica lindo… e realmente ele gosta de mais sol pra ficar bonito e dar mais flores, mas nunca aquele sol quente da tarde. Também gosta de bastante água. Engraçado que aqui nunca entrou em dormência… eu cultivo outros tipos de trevos, e tenho uma bacia com um mix deles… tenho trevo roxo, verdinho quadrado, verdinho mais redondo, trevo de 4 folhas todo verde… depois te mando fotos… Bjos!

    1. Oi Camila! Eu agora quero outras espécies. Consegui uma linda no aliexpress, oxalis versicolor, espero que chegue, rs. Esses meus eu pretendo colocar em um vaso redondo bem largo que tenho aqui. Mas por enquanto vou deixar nesse vasinho. Tem muitas hastes novas crescendo e ele tem dado muitas flores. Lindo! ; )
      Abraços Floridos

  11. Posta depois como ficou o amuleto!
    Ah, e é só uma ideia, mas já que você tem várias plantas bacanas, acha que tem como fazer com flores o que você está fazendo com o trevo? Minha mãe me contou que tinha uma dália como marcador de páginas! Deve ser super legal, mas acho que não dá pra fazer com qualquer flor…
    Nossa, me empolguei aqui! Pena que as únicas flores que tenho aqui são as das pimenteiras, que são pequenininhas e estão em falta no momento rs.

    1. Oi Fabi! Vou colocar uma foto no post. Coloquei o trevo seco dentro de um saquinho de plástico bem pequeno que uso para colocar sementes quando envio pelo correio e deixo na minha carteira. Dá pra fazer com qualquer flor o que eu fiz com o trevo, mas acho que para usar como marcador de páginas teria que colar a flor em um papel tipo cartolina ou plastificar como o trevo. A flor em si, acho que se for grande ou colhida com o caule, dá pra até pra usar, mas corre-se o risco dela se partir. Veja esse vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=WvyjSOUnA0E , ela ensina a fazer o marcador e ainda aparece um gatinho super fofo. ; )
      Abraços Floridos

  12. nós compramos uma cx essa penultima feira , quase 2 anos atras.
    o pequeno vaso que fornecem nao da conta do tamanho e da quantidade de trevos que brotam de 4 simples bulbos(que viraram uma duzia)., o periodo de dormencia para nos foi uma supresa, os bulbos ficaram muito tempo abandonados num pote sem terra nem nada…. e quando resolvi replantar em questao de dias o vaso estava repleto novamente. em meu face fiz um acompanhamento fotografico .. abçs

    1. Olá Rafael! O vaso realmente é muito pequeno. Logo que brotaram todos os bulbos eu transplantei. Gostaria de ver o acompanhamento que você fez. Se possível me passe através da pagina de contato do blog o seu facebook.
      Abraços Floridos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *