Minhas Plantas Preferidas
Meu Jardim

Minhas Plantas Preferidas

Certo dia uma leitora, a Michelle, sugeriu que eu fizesse um post sobre as minhas plantas preferidas, aquelas que eu mais gosto de cultivar. Quem acompanha o blog sabe que eu gosto de atender os leitores e achei muito bacana essa sugestão, então vou listar aqui os meus xodós e falar um pouco sobre eles.

Confesso que não foi tão fácil assim escolher as preferidas, pelo contrário. Primeiro ia fazer uma lista só com cinco, mas estava impossível escolher, então aumentei para dez, mas mesmo assim são tantas que eu adoro que levei muito tempo para conseguir decidir. Apesar de algumas serem bem óbvias, como as pimentas e tomates por exemplo, escolher entre tantas plantas que eu gosto por ordem de preferência foi extremamente difícil. Eu pensei e repensei muitas vezes, mas cheguei a uma conclusão.

Foi interessante fazer esse post e notar que algumas eu amo desde sempre e continuo amando, mas outras eu comecei a cultivar recentemente e elas tiveram uma rápida ascensão no meu coração, como é o caso das orquídeas.

1. Pimentas

Nem tem como negar que elas são minha grande paixão. Há muitos posts no blog sobre elas e sempre tem algo novo que posso dizer sobre as pimenteiras. É um assunto vasto e o cultivo traz muita satisfação. Uma variedade absurda de cores, formatos e sabores faz o cultivo das pimentas se tornar um vício.

Pimenta Goat's Weed

Aqui na minha humilde varanda pimenteiras nunca faltaram e mantenho o máximo de variedades diferentes que consigo cultivar. Como gosto de experimentar sempre alguma diferente, não só pelo paladar, mas pelo prazer do cultivo, eu seleciono algumas que quero manter, mas a maioria eu cultivo, provo, coloco no catálogo do blog, as sementes vão para a loja e depois faço a doação da muda para experimentar outra variedade.

2. Tomates

Depois das pimentas os tomates com certeza ocupam o segundo lugar na minha lista de plantas preferidas. Cultivar tomates além de ser uma paixão foi um grande desafio por muito tempo e até hoje, às vezes, ainda é. Os anos tentando e insistindo até ter sucesso me ensinaram muito sobre a jardinagem de uma maneira geral. O aprendizado foi enorme e minha admiração por essas plantas só cresceu, tanto é que nunca parei de cultivá-las.

Tomate green zebra

Por serem plantas anuais, os tomates têm um crescimento muito rápido e produzem em pouco tempo. Após uma ou algumas produções os tomateiros secam e isso nos proporciona a possibilidade de sempre renovar e provar novas variedades ou pelo menos tentar de novo.

Uma das coisas que me atrai nos tomates, além do crescimento super rápido, é a variedade de formatos e cores, que é incrível. Os frutos são muito versáteis e podem ser consumidos de diversas formas.

3. Gerânios

Gerânios são flores lindas e especiais pra mim por já me acompanharem há muitos anos. Praticamente desde que me mudei para o apartamento no qual moro, e isso faz uns 7 ou 8 anos, que eu tenho essas mudas de gerânios.

Gerânio

Meus gerânios florescem quase o ano todo, deixando minha varanda mais bonita, mas sofrem um pouco com o sol do verão.

4. Phalaenopsis

Essa é uma paixão recente. Meu irmão é orquidófilo e claro que isso fez toda a diferença. Eu acabei começando a cultivar meio sem esperança, porque sempre achei que não tinha “mão boa” para elas, mas hoje tenho uma treliça dedica somente às minhas orquídeas, em grande maioria phalaenopsis.

Orquídea Phalaenopsis

Não é à toa que as phalaenopsis são minhas orquídeas preferidas. Elas florescem várias vezes ao ano, têm uma variedade de cores imensa e podem ser encontradas no tamanho normal ou mini.

5. Jiboia

A Olívia, minha jiboia, é muito especial pra mim. É a única planta que tenho que foi batizada e olha que eu tenho muitas.

Jiboia - Epipremnum aureum

Adoro ter a Olívia na minha sala, ela faz toda a diferença no ambiente. Além da beleza que as jiboias trazem para ambientes internos, elas são plantas resistentes, de fácil cultivo e de fácil propagação.

6. Trevo Roxo

Meu lindo trevo roxo também me acompanha há anos e não imagino minha varanda sem ele. Quando chega no inverno e ele fica com bem menos folhas e sem florir já sinto falta da exuberância da folhagem e flores dele na minha treliça.

Oxalis - Trevo Roxo

Meu trevo floresce quase o ano todo, exceto no fim do outono e durante o inverno quando a temperatura já está bem mais baixa e ele pára de se desenvolver.

7. Amor-Perfeito

Esse é um amor antigo, mas só recentemente consegui ter sucesso com eles cultivando a partir de sementes. Adoro a delicadeza dos amores-perfeitos e a variedade de cores que as flores têm.

Amor-Perfeito - Viola
Amor-perfeito com flor dobrada

Agora no outono já comecei a semear as novas mudas que vão colorir meus vasos ao longo do inverno.

8. Mini alocasia

Minha paixão mais recente junto com a episcia, que vem logo abaixo. Comprei da última vez que estive em Holambra e tenho dois vasos dela. Um dos vasos está no trabalho ao lado do meu monitor, porque gosto de trabalhar olhando pra ela, e o outro está em casa no meu escritório.

Mini alocasia

A mini alocasia que tenho em casa está numa janela que bate sol algumas horas à tarde e no vaso fiz um mini jardim com uma fada e gatinhos. Esse é o meu vaso preferido no escritório.

9. Episcia

A episcia é outra paixão bem recente assim como a mini alocasia. Também a trouxe de Holambra na última viagem que fiz e ela já cresceu muito desde então e está cada vez mais linda!

Episcia Cupreata

Recentemente ela começou a florescer muito e o contraste das flores com as folhas é maravilhoso! As cores e e a textura das folhas da episcia fazem essa planta se destacar em qualquer lugar.

10. Barba de Moisés

A barba de moisés é mais uma planta que me acompanha há anos e já decorou vários mini jardins que fiz, especialmente bonchis.

Barba de moisés - Soleirolia Soleirolii

Eu já adoro forrações e essa é super delicada e pega com muita facilidade, enchendo o vaso e criando um tapete lindo! Não tem como não amar!

Eu não coloquei na lista, mas tem outras plantas pelas quais sou apaixonada, porém não cultivo por falta de espaço. No meu aPERTAmento tenho que optar, infelizmente não dá pra cultivar tudo que eu gostaria de ter, então vivo sem algumas paixões como a érica japonesa, o manacá de cheiro, a vinagreira roxa, as margaridas do cabo, entre outras.

Há também aquelas que eu adoro, como a mirabilis, a oncidium equitante, a zebrina, os lírios dos ventos, as ipomoeas, as tuias, a nephentes, a dionaea, etc, mas acabei colocando na lista alguma outra que eu gosto ainda mais, porque tive que optar, caso contrário a lista ficaria gigantesca.

Fazer esse post foi ótimo para refletir sobre as plantas que realmente são essenciais na minha varanda e aquelas que apesar de não estarem aqui fazem muita falta pra mim. Além disso pude lembrar de várias que gosto tanto e faz tempo que não cultivo, o que me faz pensar em sair loucamente no fim de semana pra comprar uma muda ou olhar minha caixa de sementes e ver se acho algumas para plantar.

2 respostas para “Minhas Plantas Preferidas”

  1. Descobri o blog recentemente! Estou encantada com as dicas e as inúmeras possibilidades de plantar e manter um jardim com muito amor.

    Eu moro em apartamento, estou ainda aprendendo sobre como plantar e na minha varanda já tenho algumas variedades de pimenta, tomate, além de condimentos e cultivos de flores no geral.

    Estou adorando mas tenho muito a aprender.

    Obrigada pelas dicas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *